Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

StartApps

Um blog de Teresa Noronha sobre Startups, Apps e empreendedorismo em português.

O Sapo faz 21 Anos

Buzz_Sapo.jpeg


 


O Sapo é para mim uma referência associada à internet. Recordo-me bem dos primeiros tempos de internet, quando nos ligávamos a um router que fazia uns ruídos muitos estranhos, apenas comparados com os que apareciam nos filmes, quando os humanos tentavam contactar seres de outras galáxias!


 


O primeiro motor de busca que utilizei era o portal do sapo e obter respostas “rápidas” era espetacular, tinha algo de magia em crescente. Era um rápido diferente dos dias de hoje, mas era um grande avanço face à pesquisa na enciclopédia.


 


Lembro-me de ligar o computador, aguardar o acesso à internet por router e ir ao portal do sapo. Havia notícias, passatempos e acesso ao e-mail do sapo. Fui grande participante de passatempos, ganhei bilhetes com fartura, recordo-me em particular dos concertos na Gulbenkien. Também me recordo de enviarmos e-mails com fartura, com piadas, coisas engraças ou sérias para uma lista gigante de mail… eram os primórdios das redes socias.


 


Durante estes 21 o Sapo manteve-se ativo e conseguiu crescer como poucos.


 


Hoje mantem-se presente em várias plataformas. Também as fazem parte dos serviços que nos disponibilizam. Tornou-se líder de internet em Portugal, disponibiliza aplicações móveis, aplicações TV, cria e disponibiliza produtos tecnológicos e uma plataforma de e-commerce.


 


Tem estas 11 aplicações disponíveis para Android


Sapo_Apps_Android.png


 


E 9 aplicações para iOS


Sapo_Apps_iOS.png


 


Já tive a oportunidade de partilhar convosco a utilização de uma destas Apps, o Sapo Sabores, que recomendo. Outras virão certamente, nesta admiração que levou também à escolha da plataforma do Sapo quando decidi criar o Blog.


 


O Sapo é para mim uma marca de confiança e de continuidade na realidade tecnológica em Portugal.


 


O Sapo está de Parabéns, mas os presentes temos tido nós ao longo destes anos. Casos queiram participar na celebração destes 21 anos do Sapo, vejam como no Buzz do Sapo 21 anos.


 


Parabéns Sapo tens estado muito forte!

Beta-i: A empresa organizadora de eventos em torno de startups e inovação

Entrar na Beta-i é entrar num mundo de gente preenchida de vida, ideias e afazeres. O ambiente traduz bem porque é que conseguem alavancar inovação na realidade empresarial Lisboeta. Ali toda a gente é bem recebida e se sente em casa. Por isso facilmente se trabalha, dá-se 2 dedos de conversa e se luta por fazer bonito. Para mim estas são as razões do segredo de serem quem são. São pessoas de Alma preenchida e que fazem acontecer com o conforto de quem se sente em casa.


 


Beta-i_1.jpg


 (Fotografia Andreia Trindade)


 


 


Conhecer a principal actividade da Beta-i é conhecer a forma como uma empresa organiza eventos tendo como foco formar empreendedores em torno dos conceitos Startup e inovação.


 


Das várias áreas de atividade a principal é o Lisbon Challenge que é considerado o segundo maior acelerador da Europa pela Fundacity. Este programa acontece duas vezes por ano com uma Edição Fall e Spring. É um programa acelerador de 10 semanas, ou seja 3 meses. Para a Edição que está agora a começar, receberam entre 400 a 500 candidaturas, para selecionarem 18 equipas. São muitas entrevistas, muitas conversas com investidores, depois tentar não ter duas ideias parecidas e entre 60% a 70% das equipas são internacionais, vêm de fora, vêm de Londres, Brasil, da Europa do Norte, de Leste. É de um conjunto de entrevistas, muitas delas por skype e da opinião dos juris que é contituido por pessoas da Beta-i, por outras start-ups e empresas que já passaram também elas pelo Lisboa Challenge que são selecionadas as equipas. E é bom, a Beta-i sente-se recompensada porque entre a possibilidade de poderem concorrer a todos os programas de aceleradores de empresas no estrangeiro, existem empresas que de raiz só concorrem ao Lisboa Challenge e que só se não se conseguirem apurar vão aos de outras cidades. Hoje em dia existem outros programas, quando começaram o Lisbon Challenge era o único grande programa acelerador em Lisboa.


 


Têm também um programa pré acelerador que se chamar Beta Start, com pessoas na fase de terem uma ideia. Este programa é para pessoas que não sabem se aquela ideia pode gerar negócio e a Beta-i insentiva a que as pessoas testem o negócio. O que é que acontece? Ás vezes as pessoas ou prescindem ou da profissão ou de tempo com a família para presseguir uma ideia e chegam ao fim de 2 anos e percebem que a ideia não se justificava. Ou não é execuível, ou o mercado não existe, ou alguém se lembrou e já fez melhor. O Beta Start o que faz é testar essa ideia, expor a ideia a outros empreendedores e pessoas que conhecem o mercado e ajuda a perceber se a ideia tem pernas para andar. Também ajuda à procura de números, ver se o mercado existe. No final existem pessoas que mudam a ideia inicial para algo diferente, outras desistem da ideia ou então acham que é uma boa ideia!


 


Por exemplo está agora uma pessoa que participou neste programa que queria montar uma oferta de turismo só para a indústria de casamentos, atrair pessoas de fora para virem a Lisboa fazer os casamentos. Lisboa é mais barato para se alugar um local para a celebração e festa do que a maioria das cidades da Europa, é seguro, tem bom tempo o ano todo e ela queria saber se esta ideia tinha potencial ou não. O Turismo de Portugal deu alguns dados, de quantas pessoas é que chegam, quantas pessoas é que casam ela está a avançar com a ideia.


 


Beta-i_5.jpg 


 


Smart Open Lisboa está a decorrer, cada pessoa é uma start-up e este é um programa com a Câmara de Lisboa. Foram selecionadas 9 Start-ups de 70 que concorreram para contribuirem com soluções para tornarem Lisboa uma cidade mais inteligentes. Todos os dados que estão a trabalhar são reais, seja sobre ruído, trafego, alguns têm um engagement social, aplicações tecnológicas para trabalhar com sem abrigo por exemplo. A Câmara Municial de Lisboa, o Turismo de Portugal, a Cisco e a PT (estes 2 últimos como parceiros tecnológicos) criaram uma plataforma tecnológica e de dados onde as concorrentes vão buscar a informação para comporem as soluções que acreditam ajudar a cidade de Lisboa, a ser mais inteligênte. A Câmara Municipal de Lisboa endereçou alguns problemas que queria ver resolvidos e estas equipas estão a trabalhar em situações reais. E a Câmara de Lisboa abriu a cidade e eles estão no terreno e vão medir e ver como resolver os problemas que a Câmara identificou. Este é um programa de aceleração também.


 


Existe também o programa de aceleradores verticais, um acelerador só numa indústria, a diferença entre este e o Lisbon Challenge é que o Lisbon Challenge é transversal, vêm pessoas do turismo, da área médica, como a Knok que é uma espécie de Uber para médicos, na área dos Seguros.


 


Beta-i_4.jpg(Fotografia Andreia Tindade)


 


Em breve teremo novo post em formato "Á conversa com" com mais informação útil recolhida junto destes senhores, por hoje conhecimento sobre os programas de aceleração de StartUps da Beta-i.

As minhas Apps de Reentree

Com a Reentree muda a estação e existe em nós uma necessidade de mudar. Umas são necessidades mais prementes outras são vontades próprias para um período que se pretende por norma de maior recolhimento, conforto, foco, trabalho e cuidado na logística.


 


rentree.jpg


 


As minhas Apps para a Reentree já estão descarregadas e eis as eleitas são:


 



  • Cabelos: Style My Hair da LÓreal - funciona com uma fotografia do nosso rosto que vamos alterando com penteados, cortes, cores de cabelo e podemos exagerar, rir um bom bocado e quando chegarmos à nossa decisão efetiva final, levar ao cabeleireiro e mostrarmos o que queremos fazer;


 



  • Roupa e Acessórios: A eleita foi: Bimba y Lola, que tem uma nova App e está a dar 10% de desconto a quem faça a atualização até dia 19 de Setembro;


 



  • Decoração: Zara Home, gosto dos produtos, a loja online funciona bem, é aqui que vou para ter ideias e fazer remodelações do que necessito em casa;


 



  • Do It Yourself: Para ter ideias de pequenos projetos para fazer em casa, para oferecer ou decorar uma App que é um mundo Pinterest;


 



  • App surpresa: CallApp é uma App que identifica todas as pessoas que nos telefonam, mesmo que não estejam gravadas nos nossos contactos. É espetacular. Fiquei fã e por isso recomendo.


 


E as vossas Apps de Reentré? Quais foram as eleitas?... Ainda estou à procura da minha para livros.

StartUp Guide Lisbon

Start-Up Guide.jpg


 


 


 


"A primeira novidade é, nós vamos lançar em Lisboa o Livro: Start Up Guide Lisbon" assim começou a minha conversa na Beta-i. O StartUp Guide Lisbon é um guia internacional que cada cidade faz para o ecosistema de StartUps, a Beta-i foi desafiada a fazer o de Lisboa, com o patrocinio da Microsoft, da SAP e da Câmara Municipal de Lisboa.


 


O Guia dá a conhecer quem é quem na cidade, as StartUps mais influentes, como encontrar espaços para Co-Working, como é que se podem encontrar projetos de acelaração, para que quem chega de novo a Lisboa com a idea para uma StartUp, ter de alguma forma um guia e ter um inicio um pouco mais facilitado.


 


Para quem está interessado pode adquirir aqui. O Lançamento irá ocorrer no dia 29 de Setembro às 18:00h, pelo Presidente da Câmara de Lisboa.


 


Este foi apenas o inicio da minha conversa com a Beta-i, grande conhecida de muitas StartUps nacionais e internacionais, onde se têm desenvolvido e dados os primeiros passos. 


 


09.jpg


 


 Para quem já tem a ideia da sua vida na cabeça e precisa de ajuda para implementar, por agora fiquem com duas dicas: StartUp Guide Lisbon e Beta-i.


 

Workshop de Phone Photography com o Asus ZenFoneSelfie

Isabel_Saldanha_Workshop.jpeg


 


Há dias em que o Universo conspira a nosso favor. Ontem tive a sorte de poder participar no Workshop de Phone Photography da Isabel Saldanha na Fnac do Centro Comercial Colombo, que está com uma exposição de "Fotografia Terry O'Neil um novo estilo de Fotografia" - retartista de sonho da idade de ouro.


 


A Isabel tem um lugar no que se trata a fotografia de retrato atual. Realista, adaptada às novas tendências e realidade social digital tem um olhar forte e especial para mostrar o mais bonito e colorido que há em cada um. Conhecemo-nos no mundo da Consultoria Tecnoloógica e agora os nossos caminhos têm-se cruzado. Impressiona-me sempre o seu sentido estético apurado, a sua atenção ao detalhe e o modo como transmite as suas paixões na vida.


 


Para além de poder estar e aprender com a Isabel, um dos principais motivos da minha participação era o de perceber as potencialidades do Asus ZenFoneSelfie. O ZenfoneSelfie é um smartphone poderoso, com espaço para descarregar todas as fotos, um grande écrã e tem como principal atrativo ter uma excelente câmara frontal, que ajuda muito a tirar as selfies.


 


Workshop_Isabel_Asus.png


 


É muito boa capacidades técnica deste equipamento para fotografia, que tem um menu próprio para ajustar todas as especificações de câmara e video. Trabalha a optimização das imagens em features que a maioria dos smartphones não possibilita, como :Resolução de câmara, Melhoramento anti-vibração, Qualidade de imagem, Carimbo de data e hora. Trabalha também a Imagem, Modo de captura, Focagem & exposição entre outros.


 


Estava com 2 equipamentos a fazer o workshop e o que vos posso dizer é que em termos de câmara e potencialidades o Asus ZenFoneSelfie mostrou muito melhor qualidade para captar as imagens e potencialidades de exploração e focagem das imagens.


 


Teresa_Isabel_Saldanha.jpeg


 


Vou ainda fazer um post sobre as Apps de fotografia que são recomendadas pela Isabel, cuja autoridade em fotografia é inegável.


 


Stay tunned...

App curiosidade: Festa do Avante

festa avante2016.jpg


 


Nasci no dia da Festa do Avante, sei disso porque os meus pais estavam na Costa da Caparica quando a minha mãe sentiu as dores do parto e a Festa do Avante não ajudou com o trânsito.


 


Por este facto e porque o mediatismo da Festa do Avante sempre teve um toque alternativo, sempre espreitei o cartaz desta festa emblemática. Muito menos por questões politicas, mas mais por questões culturais e até de curiosidade pelo que lá se passa. Também sempre simpatizei com a imagem genuína do Álvaro Cunhal, que para mim é até hoje a imagem do PCP (que me perdoem o Jerónimo de Sousa e outros).


 


Infelizmente nunca fui a nenhuma das Festas, porque sempre colidiu com a minha festa de aniversário ou com outras situações a que dei prioridade, mas o interesse pelo evento mantem-se.


 


Ontem vários amigos do facebook colocaram posts sobre a Festa do Avante e mais uma vez um cartaz irrepreensível, e com uma notícia: Tem uma App própria. E eu lá fui descarregar a App com o mesmo entusiasmo com que todos os anos aprecio o cartaz.


 


A verdade é que o Cartaz e o site batem a léguas a App, (lamento, mas é verdade) mas a verdade também é que a Festa do Avante continua a ser emblemática e que a informação está toda na App, embora com fraco trabalho de imagem e usabilidade.


 


Penso que este será apenas o início, de um longo caminho de Apps a percorrer sobre a Festa do Avante. Para o ano conto estar a fazer um novo post sobre esta App renovada sobre o evento.


 


Os meus parabéns pela iniciativa, um longo futuram pela frente Festa do Avante!

Web Summit 2016: O Evento

Web_Summit.jpg


 


Já há muito que este é o Web Summit é considerado O maior Evento em Tecnologia e sorte das sortes este ano é em Lisboa de 8 a 10 de Novembro.


 


Para quem gosta de tecnologia, tem interesse em conhecer o estado da arte no mundo do tecnológico, nas suas diferentes dimensões. Quer conhecer as pessoas, a história e o percurso dos grandes casos de sucesso em tecnologia este é o momento e estes são os atrativos deste evento à escala global.


 


O mundo do Marketing, das produções de eventos tem aqui um papel forte e importante. Por isso, caso estejam interessados coloquem-se desde já a par do que está a ocorrer.


 


Os valores dos Tickets são elevados, mas existem várias formas de participar, quer seja através das redes sociais, quer seja como voluntários nas várias áreas. Caso estejam interessados em participarem como voluntários vejam aqui.


 


Nestes dias vai haver espaço para todos e cada área será tratada em particular.


 


Web_Summit_2.jpg.png


 


Este é também um tempo bom para as Start Ups que querem projetar as suas ideias e conceitos, mas para as quais necessitam de meios. Aqui todos se encontram para poderem avançar com ideias, projetos e conhecer as tendências.


 


Pretende-se que seja um encontro e uma partilha da comunidade tecnológica, com uma presença bem vincada na sociedade para a qual trabalha e participa cada vez mais ativamente.


 


Durante os próximos tempos, por aqui vamos falar de Web Summit, na ótica da proximidade e na apresentação de pessoas e aplicações relevantes e que vão marcar presença no Evento.


 


Vou falar de conceitos, das histórias dos speakers confirmados e tentar tirar dúvidas.


 


Por agora o meu conselho é que se comecem a ligar nas redes sociais com o Evento, se registem, caso queiram receber as novidades ou vejam formas de participar.


 


Toda a informação oficial aqui no site.

Smartphone review#2: Alcatel Idol 4s

Alcatel_Idol4S.JPG


 


A Alcatel lançou o seu novo flagship no mercado dos smartphones, o Idol 4S e que eu tive a sorte de poder experimentar. Foi desenhado para competir com os smartphones topo de gama existentes no mercado, apresentando um fator de diferenciação em relação aos demais, já vem com os "óculos" de realidade virtual - VR Headset.


 


Após ter estado utilizado o Idol 4s cheguei a algumas considero que estamos perante um equipamento bastante sólido com uma excelente relação preço qualidade, apresentando uma boa performance, bateria com um bom tempo de vida e um ecrã AMOLED de grande qualidade.


 


Alcatel_Idol4S_2.JPG


 


Construção


A Alcatel optou por minimizar a utilização do plástico no Idol 4S, sendo os principais materiais utilizados na sua construção o vidro e o metal. A construção é robusta revelando uma preocupação acrescida da Alcatel nos acabamentos finais, com os rebordos em torno do smartphone tanto no smartphone como nos óculos apresentam um polimento impecável e uma acabamento final irrepreensível. O botão de Ligar/Desligar o smartphone encontra-se no canto superior esquerdo, o qual na minha opinião deveria estar localizado numa posição mais neutra como por exemplo na parte superior central tornando-se mais "amigável" para com os destros e esquerdinos. Na parte superior apresenta uma entrada para auscultadores e na parte inferior o microfone e uma entrada USB. Na parte lateral direita encontram-se os botões de volume e o botão BOOM. O botão BOOM é costumizável podendo ser utilizado por exemplo para lançar aplicações ou tirar fotografias. Pode também ser utilizado para "amplificar" características de determinadas aplicações como efeitos de amplificação ou surround em audio ou video. Para quem gosta de efeitos especiais é um ponto a reter.


 


Alcatel_Idol_4S_1.JPG


 


Ecrã


O Idol 4S apresenta um ecrã Quad HD Super AMOLED com 5,5 polegadas. É um ecrã de grande qualidade apresentando um boa luminosidade, vivacidade nas cores, profundidade e a sua resolução HD é suficiente para a vertente Realidade Virtual ao qual este equipamento se propõe. Ainda que exposto à luz solar consegue-se ver a informação sem apresentar problemas.


 


Alcatel_Idol4S_6.JPG


 


Performance


O Alcatel Idol 4S vem equipado com o processador Qualcomm Snapdragon 652, 3GB de RAM, armazenamento interno de 32GB e uma capacidade de armazenamento externo por cartão MicroSD até 512GB.  Durante a minha utilização o smartphone apresentou um desempenho rápido e sem bloqueios tanto na navegação, execução de múltiplas aplicações em simultâneo, gravação de Vídeos em 4K ou execução de jogos com grande consumo de recursos do equipamento. Tem uma bateria de 3,000mAh, suficiente para aguentar um dia inteiro de utilização. No caso de não ser suficiente o Alcatel Idol 4S tem a capacidade de ser recarregado de forma rápida conseguindo carregar 60% da bateria em cerca de 30 minutos


 


Alcatel_Idol4S_3.JPG


 


Conectividade


O Alcatel Idol 4S é compatível com as redes GSM, Blutooth 4.2, WI-FI e NFC.  Para quem não sabe, o NFC é uma tecnologia que permite a troca de informações sem fio e de forma segura entre dispositivos compatíveis que estejam próximos um do outro. Como por exemplo temos agora os pagamentos em terminais de supermercado (POS).


 


Câmera


O Alcatel Idol 4S vem equipado com uma câmera traseira de 16MP e uma frontal de 8MP. As fotografias captadas revelaram uma imagem nítida e limpa com pouca granularidade, o que denota uma performance sólida na sua relação preço qualidade.


 


Software


No Alcatel Idol 4S corre o sistema operativo Android 6.0 Marshmallow com algumas costumizações


 


Realidade Virtual


Os óculos de realidade virtual vêm em forma de caixa, que aliás é a própria caixa do Alcatel Idol 4S. Vem também acompanhado de um par de headphones JBL que completam a experiência. O material de construção utilizado é o plástico e a espuma nos locais de contacto com a face e possui 2 botões de navegação para as ação "anterior" e "seleção".


São confortáveis de usar mas poderia haver uma forma de ajustar a lentes à face, como fazemos com um par de binóculos e que poderá vir a ser apresentado em novas versões.


A Alcatel proporciona out of the box um conjunto de experiências de realidade virtual entre as quais jogos e videos 360º. Eu utilizei alguns jogos e gostei da experiência. É uma experiência que funciona, não defrauda.


Temos também a possibilidade de aceder a uma loja online. Eu utilizei jogos de entretenimento e educativos, um deles de uma visão no espaço em que o papel do jogador é o de astronauta que tem a noção que se encontra no céu a navegar ao mesmo tempo que é apresentada informação sobre os planetas aos quais nos aproximamos, tendo desde logo um contacto com a dimensão, cor e disposição dos planetas no sistema solar.


Ainda que em fase inicial, a realidade virtual é já um mundo a explorar e que apresenta um estado da arte que já surpreende, embora continue a ter muito espaço para melhorar.


 


Alcatel_Idol4S_5.JPG


 


Conclusão


O Alcatel Idol 4S alcançou as minhas espectativas e os objetivos a que se propôs e que apresenta e na minha opinião até foi um pouco mais além, com o tema dos óculos e da realidade virtual apresentada.


É um smartphone com uma construção robusta, excelentes acabamentos, performance sólida e uma câmara competente, sendo desta forma um sério competidor no seu segmento. O passo à frente foi sem dúvida a inclusão da experiência da realidade virtual a qual apresenta uma posição clara da Alcatel em querer ter "voz ativa" a par da Samsung neste mercado emergente.


 


Pontos Fortes:



  • Excelente relação qualidade preço

  • Bons acabamentos no Smartphone e Óculos

  • Inclusão dos óculos de realidade virtual

  • Altifalante externo de excelente qualidade

  • Ecrã de grande qualidade


 


Pontos a melhorar:



  • Sem uma capa protetora escorrega das mãos

  • O botão ligar desligar poderia estar numa posição mais neutra

  • Nos óculos existir possibilidade de ajuste das lentes à face, como é feita nos binóculos


 


Podem encontrar as especificações técnicas do equipamento aqui. Boa recomendação para quem quer estar a par da experiência virtual.

Mais sobre mim

foto do autor

Calendário

Outubro 2018

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031

BlogsPortugal

Google Analytics