Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

StartApps

Um blog de Teresa Noronha sobre Startups, Apps e empreendedorismo em português.

MyTaxi: A experiência (1ª Parte)

Ontem aproveitei a necessidade de ter de me deslocar a grande velocidade à hora de almoço para usar uma das Apps de Taxis.


 


E como é que eu escolhi? Tentei usar as duas e na Uber deparei-me com uma dificuldade: não podia terminar o meu registo na aplicação sem registar um cartão de crédito ou paypal. Como já tive problemas de fraude com o cartão de crédito, decidi que depois trataria do paypal, mas na altura não dava.


 


Decidi assim que usaria o mytaxi.


 


Funcionalidades:



  1. Fazer download da aplicação disponível para: iPhone, Android, Blackberry e Windows Phone;

  2. Pede para se registar na aplicação, podendo para isso utilizar os dados do facebook ou introduzindo os meus dados.

  3. Pergunta se quer utilizar o pagamento pela aplicação e nesse sentido pede para registar um cartão de crédito ou Paypal, opções que eu cancelei.

  4. Pergunta se pode utilizar o sistema de localização. Confirmei a possibilidade de localização.

  5. Pergunta se pode enviar notificações, opção que eu recusei.

  6. No início apareceu um mapa com a minha localização e a indicação que o taxi chegaria com o tempo estimado de 1 minuto.

  7. Aparece disponível de forma automática a morada onde me encontrava;

  8. Aparece um campo para preencher com o endereço de destino. Preenchi a morada e a aplicação informou-me o tempo do percurso e o valor aproximado.

  9. Abaixo apareceu uma opção para selecionar a hora de recolha (para chamar), que eu preenchi com 12:30h

  10. Depois apareceu a opção “Detalhes da Reserva”. Aqui podemos selecionar as seguintes opções:



  • Condutor habitual;

  • Táxi de 5 estrelas;

  • Táxi tipo carrinha;

  • Viagem ao aeroporto;

  • Animal de pequeno porte;

  • Corrida de estafeta;

  • Táxi ecológico;

  • Cartão Multibanco (e aqui sorri de orelha a orelha);

  • Visa & Martercard


Selecionei: Condutor habitual + Cartão Multibanco


Selecionei em cima: Feito


E pensei, isto já está!


 


Ao 12:30h chego à rua e aguardo o mytaxi. Passou um minuto e eu pensei, se calhar isto falhou e o Táxi não vai chegar. Como é que eu sei?


Voltei à App. Selecionei um botão amarelo que diz: Chamar Táxi.


E de seguida apareceu a seguinte Mensagem: “Reserva táxi de forma vinculativa? Terá de confirmar este popup nas próximas 2 reservas.” Foi quando percebi que a minha reserva não tinha sido efetuada. Selecionei “Sim”


Apareceu então a indicação do Táxi que me iria buscar, com a marca e a fotografia e telemóvel do senhor condutor.


Perfeito e ainda me indica 1 minuto.


 


Em menos do minuto o Táxi estava ao pé de mim. Um Peugeot, alto de teto panorâmico, muito limpo e asseado. O condutor era um senhor de bom trato e de apresentação cuidada.


No tablier tinha o seu smartphone onde a app de condutor mytaxi estava a ser apresentada.


Mytaxi_2.jpg


(fotografia da internet)


 


Falamos sobre a App e o serviço MyTaxi e o condutor estava muito satisfeito. Gostava do target de pessoas e do modo de funcionamento. Identificava-se com o conceito e considera que resulta.


 


Como o Táxi não tinha vindo com a indicação que era necessário multibanco, perguntei se tinha, disse que não, mas logo se disponibilizou para passar no multibanco ou para eu pagar mais tarde através da aplicação (???) No local onde me deixava havia multibanco, pelo que esta não foi uma questão.


 


No final na aplicação, foi-me pedido para avaliar o carro e o condutor e caso pretenda indicar aquele condutor como o preferencial.


 


(Este post tem continuação...)

Uber ou MyTaxi: O Dilema da Mobilidade na cidade

Uber.pngMytaxi.png


 


Decidi fazer um estudo das Apps e Serviços Uber e MyTaxi.


 


Já fiz o download e irei nos próximos dias usar e partilhar convosco a minha experiência.


 


Admito, para inicio de conversa, que me inclino para o MyTaxi, porque sou purista. Porque embora ache que os Taxistas em Portugal têm um grande espaço para melhorar (mas largo mesmo, assim um espação), também acho que se me calha encontrar o Senhor do talho a conduzir o carro da Uber também vou estranhar.


 


Considero que existiam regras, até hà pouco bem definidas, que os senhores taxistas tinham um carro de determinadas cores, que tinham de ter (e têm) uma licença, que tudo isso lhe custou a pagar e a ganhar, para assim de repente tudo isto se desmoronar e qualquer pessoa poder inscrever-se como "parceiro" da Uber e poder levar as pessoas e trazer pela cidade, com carros "normais" (sem as ditas cores) e a preços muito mais acessiveis!


 


Posto isto, nos próximos dias irei falar sobre estas App e a minha experiência com elas pela cidade.(É um Sporting, Benfica, mas versão Apps de mobilidade). Vai ser espetacular... ou não, vamos ver.


 


E vocês já experimentaram estes serviços? Como é que correu? Têm alguma preferência relativa ao conceito de ambas as aplicações? Contem coisas e deixem as vossas opiniões.


 


 

eParK: App revelação

O eParK da EMEL foi para mim uma App revelação. Precisava mesmo dela. Não foram poucas as vezes que tive o carro bloqueado, foram algumas e até mesmo rebocado…


E porquê?! Basicamente porque sofria, e sofro, da síndrome de não ter moedas e os parquímetros tradicionais só funcionavam com moedas e o que me aconteciam eram situações espetaculares como:



  1. Chegar a correr para uma reunião, não ter dinheiro, apenas cartão.

  2. Estacionar com sorte, numa área concessionada  da EMEL.

  3. Então tinha de ir levantar dinheiro, ir ao café, pedir um café, beber o café a queimar o céu-da-boca, colocar as moedas no parquímetro que por vezes me indicava que estava avariado e por isso tinha de me dirigir ao parquímetro mais próximo.

  4. (Durante todo este tempo estava sempre em pressão a pensar, será que o senhor da EMEL já veio?! Ai!)

  5. Tirar o papel, colocar o papel dentro do carro e se estáva vento era um momento espetacular, porque uma pessoa põe o talão no tablier do carro e tem de ser rápida para fechar a porta antes que voe o talão e todo o esforço vá por água abaixo.

  6. E depois disto era só pôr o meu melhor ar, o mais fresco para ir trabalhar, à reunião, almoçar, o que fosse.

  7. Quando a minha filha estava comigo, todo este filme ganhava um novo colorido, entre o "Quero um bolo" e o “Mamã, mamã, olha ali” e a resposta habitual “Vá vamos despacha-te!”, acompanhado de uma mão a puxar.


Assim que para mim esta App foi um fenómeno e uma das mais úteis.


eParK.png


 


Como utilizar?


1.Fazer Dowload do e-Park. Está disponivel para as versões Android 4X, IOS 7 e Windosphone 8;


2.Introduzir dados de registo na Aplicação;


3.Valida a conta, introduzindo o código que será enviado por sms;


4.Depois do registo efetuado, pode fazer carregamentos através de multibanco;


5.Pode ainda ter mais do que um automóvel na mesma conta.


6.Carregar em “Iniciar” da próxima vez que estacionar.


7.Os fiscais da EMEL têm uma App própria que lhes permite saber em tempo real os estacionamentos que estão a ser pagos através do ePark.


 


Vantagens:


1.Pagar apenas o tempo de estacionamento efetivo


2.Não ser necessária a utilização de moedas


3.Ter o ePark sempre disponível


4.Não ter de apanhar chuva ou o ticket voar com o vento!


 


A melhorar:


1. Esta nova versão do ePark, é por vezes lenta.


 


Para mais informações  http://epark.emel.pt Eu sou fã, uso e recomendo!